Demonstrei nos primeiros textos do blog que eu iniciei essa viagem sem nenhum planejamento financeiro. Como eu já estava acostumada a viajar assim e ir trabalhando no caminho, me virando de várias maneiras diferentes, ter apenas 100 reais no dia da partida não era uma questão para mim, uma vez que em outras viagens já havia chegado a sair com 0 reais e mesmo assim viajei deboas.

A diferença é que antes eu viajava para ver o mundo se revelar para mim, estava na estrada para experimentar a vida intensamente, absorver as muitas realidades possíveis, expandir minha visão sobre o Universo, evoluir como pessoa. Agora eu quero mais, quero continuar explorando o mundo, mas também poder revelar os mundos que descubro a outras pessoas tão curiosas e apaixonadas pela vida quanto eu, mas que não querem ou não podem estar na estrada também.

Foi com esse propósito que resolvi documentar a minha vida nômade na internet. Mas quando parti de Recife, não tinha celular nem computador, apenas um caderno e uma câmera. Apenas há poucos meses comecei a me estruturar melhor e agora tenho um computador, o que me permite já estar desenvolvendo este blog. Mas ainda me faltam várias outras coisas para trabalhar de maneira mais profissional (como celular, melhor equipamento de vídeo...).

Tenho tentado conciliar a produção de conteúdo com o tempo que trabalho vendendo fotos da viagem em ímãs de geladeira na rua, mas espero que, dentro de alguns meses, eu tenha estrutura suficiente para fornecer algumas recompensas para quem estiver disposto a mensalmente colaborar financeiramente com o meu projeto, proporcionando que eu possa obter uma renda estável da internet e consequentemente possa produzir cada vez mais conteúdos de qualidade, não só textos e fotos, mas vídeos também.

No entanto, algumas pessoas já começaram a, espontaneamente, enviarem mensagens oferecendo apoio financeiro, sem qualquer exigência de retorno, além do prazer de ler meus textos. Me sinto muito grata e, para aproveitar, deixarei disponível a minha conta para quem quiser depositar qualquer valor:

CAIXA POUPANÇA
LUANE MULITERNO C PAVAO
1580 013 00077682-2
CPF: 097.417.684-27

Sim, Luane sou eu mesmo ^^. Antes dessa viagem resolvi inventar um novo nome pra mim e como sempre me identifiquei muito com a personagem Dora do livro Capitães de Areia de Jorge Amado, adotei o mesmo nome. Porém, muitos amigos antigos ainda me chamavam por Lua, então deixei como uma espécie de nome composto.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now